Mundo

Suspeitos de tráfico de droga chamam a polícia, depois de ficarem presos dentro de um contentor, durante um descarregamento de cocaína

Dois alegados traficantes de drogas tiveram de chamar a polícia para pedir ajuda, depois de terem ficado presos dentro de um contentor, com um calor abrasador, e vários quilos de cocaína. Os suspeitos acabaram, assim, por se denunciarem a si próprios, no porto de Antuérpia

Os dois homens, de 24 e 25 anos, tiveram que fazer uma chamada de emergência para a polícia e admitir que ficaram presos dentro de um contentor, enquanto tentavam apropriar-se do seu conteúdo – vários quilos de cocaína. A polícia demorou cerca de duas horas a localizar o contentor no porto de Antuérpia, o segundo maior do mundo e considerado a principal porta de entrada para o comércio de cocaína na Europa.

O incidente ocorreu na quarta-feira, um dos dias mais quentes alguma vez registados na Bélgica, com temperaturas superiores a 40 °C. Quando os suspeitos foram, finalmente, localizados, os dois homens estavam sem camisolas e desidratados.

Segundo o gabinete do procurador encarregue do caso, “a quantidade exata [de cocaína encontrada] ainda não está clara” mas, de acordo com o jornal Gazet van Antwerpen, foram “centenas de quilos”. Kristof Aerts, porta-voz do Ministério Público, conta que “por volta das 10h30, o centro de emergência recebeu um telefonema de dois homens. Eles disseram que estavam trancados num contentor no cais 1742 e que estavam no processo de tomar posse da droga”. “O contentor pode ser localizado e os dois homens, oriundos de Antuérpia e de Schoten, foram libertados por volta das 12h20”.

No total, 50 toneladas de cocaína, no valor de 2,5 mil milhões de euros, foram apreendidas no porto em 2018, em comparação com 8,1 toneladas em 2014.

Origem
Visão
Mostrar Mais

Artigos relacionados

Back to top button
Close