Mundo

Atirador faz um morto e vários feridos em elétrico na Holanda

Pelo menos um atirador abriu fogo, esta segunda-feira, contra os utentes de um elétrico em Utrecht, Holanda. O suspeito está em fuga e as autoridades suspeitam de terrorismo.

De acordo com o jornal holandês “Algemeen Dagblad”, pelo menos uma pessoa abriu fogo dentro de um elétrico (tram) na paragem de 24 Oktoberplein-Zuid, na cidade holandesa de Utrecht. Foram mobilizados para o local vários meios de socorro, helicópteros da Polícia e a unidade de contraterrorismo.

As vítimas, cujo número é incerto, estão a ser assistidas no local e transportadas para o Hospital Universitário da cidade, preparado para este tipo de traumas. De acordo com a agência de notícias da Holanda e vários jornais holandeses, uma pessoa morreu.

Um porta-voz da Polícia, Bernard Jens, disse que ainda ninguém foi detido e que não é claro o meio usado pelo atirador para se colocar em fuga.

As autoridades informaram, no Twitter, que o alerta para o incidente foi dado às 10.45 horas locais (menos uma hora em Portugal Continental) e que a área foi encerrada.

Em consequência do ataque, vários edifícios da cidade, incluindo mesquitas e escolas, foram fechados e vários partidos políticos suspenderam ações de campanha. A segurança nos aeroportos foi reforçada.Atirador faz um morto e vários feridos em elétrico na Holanda

00:00 of 00:26Volume 0%00:2600:26 

Nível de ameaça de terrorismo máximo

As autoridades estão a investigar o incidente como um possível ataque terrorista, disse o coordenador nacional da Unidade de Segurança e Contraterrorismo, Pieter-Jaap Aalbersberg, adiantando que “o atirador continua em fuga”.

O responsável adiantou que o nível de ameaça terrorista foi elevado para o máximo (5) e que assim continuará nas próximas 18 horas.

Origem
JN
Mostrar Mais

Artigos relacionados

Back to top button
Close