Mundo

“Já acabei”. Trump afirma que deixou de tomar hidroxicloroquina

"E, tanto quanto sei, ainda estou vivo", afirmou.

O presidente dos Estados Unidos garantiu, esta manhã, que já deixou de tomar hidroxicloroquina, medicamento usado na profilaxia da malária e ainda sem efeitos comprovados no tratamento da Covid-19, mas que Donald Trump tomava como prevenção contra a doença associada ao novo coronavírus.

Trump estaria a tomar o medicamento há já várias semanas mas garantiu agora que o tratamento chegou ao fim.

“Já acabei, já acabei”, disse numa entrevista este domingo.

“E já agora, continuo vivo. Pelo que sei, ainda aqui continuo”, terá dito.

Na semana passada, o chefe de Estado norte-americano afirmou que decidira iniciar a toma deste medicamento depois de receber várias indicações de médicos que lhe expuseram os benefícios do medicamento.

A hidroxicloroquina, assim como a cloroquina, é usada no tratamento da malária. Os dois medicamentos foram apontados como possibilidades na prevenção e tratamento de infeções pelo novo coronavírus, mas ainda sem resultados comprovados. Aliás, a Agência Europeia do Medicamento lançou um comunicado onde sublinha que os dois só devem ser usados no âmbito da Covid-19 em caso de estudo clínico ou do uso emergencial e monitorizado, para efeitos de investigação.

O próprio regulador norte-americano do medicamento (Food and Drug Administration, FDA) mostrou-se contrário ao uso da hidroxicloroquina ou da cloroquina para tratamento ou prevenção da Covid-19, porque “não deram provas de ser seguras ou efetivas para tratar ou prevenir”.

Origem
Noticias ao minuto
Mostrar Mais

Artigos relacionados

Back to top button
Close